PROPOSIÇÕES E MUITA CORAGEM.

Assisto o programa Bola da vez na ESPN Brasil e me incomodo bastante com determinadas posições do entrevistado,Oscar.Passional,explosivo(os juizes sempre souberam),colérico,e o que mais me incomodou,desafiante e inquisidor na afirmativa enérgica de que “quem roesse a corda e desse pra trás não passaria de um cag..!”E por mais duas vezes repetiu-“Se clubes dessem para trás não passariam de uns cag..!” Um magnifico movimento que apesar de ter sido lançado em má hora,num momento político delicado,pode encontrar sérias objeções pela agressividade de seu mentor.Sua imagem poderá se desgastar pelo posicionamento adotado,abrindo as portas para oportunistas lideranças que se lançarão em seu vácuo na primeira chance que tiverem.Caro Oscar, você já notou,ou foi alertado de que somente sua imagem tem vindo à tona, dando “a cara á tapa” em suas próprias palavras? Porque o Grego não age da mesma maneira? Você já viu rapôsa dar cara a tapa? Desde quando dirigente esportivo,seja de federações ou de clubes se incomodam de serem chamados disso ou daquilo? Sempre fez parte dos “cargos de sacrifício” o dominio da arte de engolir tantos sapos,quantos fossem necessários para se manterem em permanente sacrifício. São mestres do disfarce e da disfarçatez,principalmente se seus passaportes ostentarem carimbos internacionais
recompensadores de tantos sacrifícios, além de outras,nem sempre visualizadas e transparentes benesses.São cartas mais do que marcadas, e se não houver fatos realmente novos,seguirão na próxima segunda feira no comando desta desmoralizada náu
em que se transformou o nosso basquetebol.A Liga pode se tornar possível,mas terá de contar com três fatores:1-Que seja respaldada por órgãos da mídia firmes e decididamente comprometidos com a mesma, principalmente se for da imprensa escrita.
Um representante da imprensa televisiva seria de grande valor,mesmo que fosse de uma
rede menor,como por exemplo a STV,ligada a orgãos como o SENAC,com vasta experiência
desportiva em seus centros espalhados pelo Brasil.2-Que uma verdadeira Associação de
Técnicos seja incentivada a participar na criação de politicas e de programas voltadas aos jóvens e na busca de novas vertentes táticas e técnicas. 3-Que em hipótese alguma permitam a ingerência da CBB em seu comando decisório,mesmo com a real ameaça de perda de representividade nas seleções nacionais,pois,por um breve momento,ou não,o país não poderia se abster de seus melhores jogadores, e demonstraria a incapacidade da CBB de gerir tal circunstância.Mas para se trilhar tal caminho há de se ter muita coragem,não de um solitário lutador,mas de todos aqueles envolvidos que ainda não apresentaram suas caras aos tapas.Honestamente torço para que tudo dê certo,que a Liga prospere, e que nosso basquetebol se beneficie acima de tudo e de todos.Mas mudar de mãos no contrôle da chave do cofre vai ser uma luta descomunal,pois depois de se acostumar ao caviar nenhum”sacrificado dirigente” aceitará voltar à sardinha no pão, e tenho uma grande desconfiança de que na segunda feira refinarão seus apetites, para depois em côro com seu reeleito chefe comungarem na mesma afirmativa de que “mais cedo,ou mais tarde a Liga acontecerá”,de preferência muito,mas muito mais tarde.



Deixe seu comentário

Comentários Recentes


    Warning: mysql_query(): Access denied for user ''@'localhost' (using password: NO) in /home/paulo/public_html/blog/wp-content/themes/paulomurilo/functions.php on line 7

    Warning: mysql_query(): A link to the server could not be established in /home/paulo/public_html/blog/wp-content/themes/paulomurilo/functions.php on line 7

    Warning: mysql_fetch_row() expects parameter 1 to be resource, boolean given in /home/paulo/public_html/blog/wp-content/themes/paulomurilo/functions.php on line 8