70 ANOS (7)…

Este ano completo 70 anos, cinquenta e quatro deles envolvidos e enfeitiçados pelo grande jogo, pelo formidável basquetebol.

Estudei muito, e ainda estudo, lecionei, preparei, treinei e dirigi muitos jovens, em escolas, clubes e seleções, onde garimpei muito mais que títulos, grandes e eternos amigos, os quais guardo no fundo do meu coração.

Sinto saudades de todos, e na impossibilidade geográfica, material e econômica de reuni-los para agradecer o quanto aprendi com todos , publicarei a cada semana uma foto das muitas equipes de que fiz parte ao ladodeles e delas também, irmanados que fomos pela pureza e a beleza de um jogo sem igual, pedindo que, se possível, mandem uma noticia, por mais breve que for, de como estão, o que fazem, e de como o basquete os ajudou em suas vidas.

Ficarei imensamente feliz em reencontrá-los, mesmo virtualmente, pois o respeito, a amizade e os sentimentos fraternais não sentem as distâncias e independem das presenças.

Um abraço agradecido a todos, Paulo Murilo.

Fotos- Equipe Aspirante do Olaria AC campeã carioca-1972 (Assistente técnico de Heleno F.Lima)

Equipe Infantil do Olaria AC vice campeã carioca-1972

Email- paulomurilo@infolink.com.br

Clique nas fotos para ampliar



7 comentários

  1. David Barros 03.07.2009

    Muito legal a reportagem, para nós que somos mais novos mostra-nos como era legal o passado do basquete Brasileiro,

    o futuro eu não sei,li uma entrevista do presidente da LNB, dizendo que fez um contrato com as organizações Globo de 10 anos, não se faz contrato de 10 anos com ninguém, fiquei perplexo,

    mando a entrevista abaixo:

    http://balanacesta.blogspot.com/2009/03/voz-da-lnb.html

  2. David Barros 03.07.2009

    http://balanacesta.blogspot.com/2009/03/voz-da-lnb.html

    Bala na cesta– Muita gente alega que para a melhor exposição do basquete o ideal seria ceder a transmissão a vários canais, e a LNB vendeu apenas para a Rede Globo. Por que? Aliás, por quanto tempo é o contrato com a emissora, qual o valor do torneio e quanto os clubes receberam?

    Kouros Monadjemi — Concordo com a análise. Se eu pudesse, todas as televisões do país transmitiriam o torneio. Mas a situação não permitia. O basquete estava no fundo do poço, e era preciso um parceiro forte, de peso, e que quisesse levar a modalidade não só ao “basqueteiro”, mas também a um público mais extenso. O contrato com a Rede Globo tem a duração de 10 anos, prevê a participação em todas as suas empresas (Sportv, CBN, Globo.com, TV Globo e Rádio Globo) e há um mínimo de 44 partidas a serem transmitidas. Sobre as cifras, prefiro não falar sobre isso, até porque o principal que eles nos dão é o valor agregado, que é a visibilidade e a exposição de nossos patrocinadores. Sobre os clubes, eles não receberam dinheiro algum. Esperamos mudar isso rapidamente.

  3. Basquete Brasil 04.07.2009

    Prezado David, realmente as entrevistas são bem esclarecedoras, agradeço o envio dos sites. Como vemos, falta muito para alcançarmos um estágio razoável ante às grandes ligas estrangeiras.Mas com trabalho e perseverança poderemos chegar lá.Um abraço,Paulo Murilo

  4. Alexandre Lima 30.01.2010

    Paulo,
    Fantastica essa foto.. esse ‘e o papai que eu lembro… Nao sei se ele ja viu essa, mais mandei para ele agora..
    Abracos,
    Alexandre Lima

  5. Basquete Brasil 30.01.2010

    Que bom que você gostou Alexandre.Foram grandes e belos momentos.Um abraço, Paulo.

  6. Washington Santana 14.01.2014

    Um grande abraço, meu e do meu irmão Marcos.
    Washington

  7. Basquete Brasil 23.04.2019

    Oi Washington, revisando o blog vejo seus votos aqui, e agradeço penhorado. Saudades de vocês. Abração. Paulo.

Deixe seu comentário