MEU AMIGO GIL…

O Gil veio de muito longe, de Chicago, e está entre nós até segunda-feira próxima. Temos conversado muito, e andado muito por este belo estado do Rio de Janeiro. Trouxe muito material de basquetebol, livros, CDs, artigos categorizados, e uma vontade imensa de falar sobre o grande jogo. Meses atrás combinei com ele uma pequena clínica aqui no Rio, e ele se empolgou de tal maneira que ao chegar no Tom Jobim, antes dos cumprimentos e abraços, já foi perguntando se estava tudo acertado para o grande encontro com os jovens técnicos cariocas.

O Gil foi durante muito tempo o grande vencedor de campeonatos centro-americanos, trabalhando em seu querido El Salvador e na Guatemala. A cruenta revolução no país o levou a se refugiar nos Estados Unidos, onde se encontra há 25 anos, sempre estudando e pesquisando a sua paixão, o basquetebol. Estagiou com os grandes técnicos universitários, como Bob Knight, John Wooden, Coach K., Jack Ramsey, e muitos outros, numa cruzada movida pelo ideal e pela perseverança.

Cogitei sua pequena clinica para o sábado passado, dia 13, e para tanto contatei o Prof.Byra Bello, que organiza a associação de técnicos do Rio de Janeiro, para a exemplo do que ocorreu com o Prof.José Curado de Portugal, pudéssemos exeqüibilizar um local adequado para a clinica, onde reuniríamos os técnicos e todos aqueles que se interessassem pelo evento.

O local não foi encontrado, e imediatamente sugeri uma nova data, o sábado dia 20, depois de amanhã.

Foi-me comunicado que pelo fato de estarem em pleno campeonato carioca, e que alguns técnicos estariam viajando com suas equipes para o interior do estado, e que o local também estava difícil de ser conseguido, não haveria interesse na clinica, o que lamentava profundamente, mas que gostaria de poder contar com o material técnico trazido pelo Gil para posterior divulgação do mesmo pela comunidade de técnicos.

Em outras palavras, na grande cidade do Rio de Janeiro, não pode ser encontrado pela associação de técnicos que ensaia seus primeiros passos, um local sequer, por menor que fosse, que pudesse receber por uma manhã, um técnico categorizado que se dispôs a passar ensinamentos, e de bônus um material didático-pedagógico de qualidade, vindo de um país longínquo, a seus colegas brasileiros, e absolutamente de graça, pelo simples fato de amar divulgar as técnicas do grande jogo, como o faz regularmente aqui no blog, mas que aceitariam o material técnico por ele trazido, o qual adquiriu do próprio bolso, a exemplo do que fez quando da ultima vez que aqui esteve dois anos atrás, quando deu uma aula aos alunos da EEFD/UFRJ, que foi interrompida por uma reunião do CREF em plena quadra.

Gil, com sua bondade e simplicidade que o caracteriza deixa o material comigo, na plena confiança de que eu saberei dar destino correto ao mesmo, na forma de uma pequena biblioteca que organizo em minha casa, junto a toda produção acadêmica que elaborei nos últimos 50 anos, e que disponibilizarei para consultas e pesquisas logo que a ampliação de meu local de estudo esteja terminada. Mestrandos e doutorandos, assim como técnicos iniciantes ou veteranos, e até jornalistas poderão colher material de estudo logo que o local esteja pronto para recebê-los. Acredito que desta forma, toda essa fonte de consulta poderá ser democraticamente repartida pela comunidade interessada em basquetebol, e não pertencente a uns poucos.

Sábado agora irei levar o amigo Gil a mais um passeio por um dos deslumbrantes locais desta cidade maravilhosa, mas de certo constatarei a tristeza no olhar do amigo, que estaria feliz ao substituir o turismo, por alguns momentos junto a seus colegas brasileiros, dialogando e debatendo seu amado basquetebol.

Mas como temos demonstrado nos últimos campeonatos internacionais, não precisamos e nem nos interessamos por “gente enxerida” que nada nos tem a ensinar, e que nada nos dirá que já não saibamos. Afinal, somos os maiorais, que inclusive sequer nos interessamos em nos unir em torno de um movimento associativo, aquele capaz de promover e receber com fidalguia, educação e respeito quem nos visita e nos quer bem.

Segunda –feira o Gil se vai, mas nossa amizade, sempre regada a um bom vinho e intermináveis conversas sobre educação, política desportiva, política internacional, economia, e por que não, basquetebol, perdurará enquanto vivermos, mesmo que nos encontremos peripatéticamente embaixo de uma, não necessariamente, frondosa árvore, pois sempre haverá um local para o saber e a arte de ensinar, e ouvir um querido e competente amigo.

Amém.



10 comentários

  1. Miguel Palmier 22.09.2008

    Caro Prof.
    Creio que a maioria dos treinadores não tenham sido consultados sobre a possibilidade de se realizar esta clínica.
    Da minha parte, fiquei estarrceido em saber que perdemos esta oportunidade.
    Com certeza conseguiríamos local e treinadores interessados em ouvir e aprender com o Coach Gil, mesmo que poucos.
    Peço encarecidamente, que faça contato com mais pessoas quando houver outra oportunidade de acontecer uma palestra.
    Para tal deixo aqui a todos, o meu e-mail coachpalmier@yahoo.com, e meu telefone (21) 8105-0030.
    Comprometo-me em repassar e tentar juntar o máximo de treinadores.
    Desde já agradeço.

  2. Basquete Brasil 23.09.2008

    Prezado Miguel,bem sei que poderia contatar outros técnicos para que a clinica obtivesse sucesso,mas coerentemente fiz questão de que a mesma pudesse fazer parte da implementação da associação de técnicos entre nós.Quando da palestra do José Curado me prontifiquei a ajudar na implantação da associação,e vi como primeiro passo dessa colaboração a clinica do Gil,que recebi com muito orgulho de amigo em minha casa,ajudei no preparo dos conteúdos da palestra e na discussão envolvendo os tópicos de maior interesse para os jovens técnicos.Quanto à parte da logistica envolvendo local e divulgação fiz questão que fosse executada pela direção interina da associação,e deu no que deu. Aprendi a lição,mesmo lastreado pelos mais de 50 anos de estrada.Juro não cometer o mesmo erro no futuro.Um abraço, Paulo Murilo.

  3. Marcelo Bunte "TCHELO" 23.09.2008

    Olá Prof.Paulo, não sei se lembras de mim….estivemos juntos no ginásio da ASCEB(Brasília-DF), em um torneio Sul-americano, que o Minas TC sagrou-se campeão, conversamos rapidamente, infelizmente não tivemos outra oportunidade!!!
    O motivo que me levou até lá é, que além de amar e viver do nosso grande esporte, tenho alguns bons amigos naquela cidade, junto ao fato de que, naquele msm momento, o Minas TC e o Fluminense FC, clube no qual acumulo as funções de treinador e coordenador de Basquetebol, se fundiam no Estadual do RJ, dada a parceria firmada para a disputa do msm.
    Confesso que este é o segundo contato com este blog, passei a conhece-lo clicando o link no novo blog do Balassiano…e sendo assim, li este post e seus comentários.
    Facilmente percebemos o amor e a dedicação com que lidas com assunto ligados ao basquetebol, é louvável, e imagino o qnt deve ter sido frustrante não ter conseguido realizar a clínica, ou ao menos uma palestra aproveitando a presença do Treinador GIL…
    Neste momento falo por mim e por todos os técnicos e membros do staff tricolor…NÃO TIVEMOS CONHECIMENTO NEM MSM DA INTENÇÃO DA REALIZAÇÃO, e nem mesmo tivemos rodadas pelos estaduais de base, gostaria de deixar, ainda por por meio deste blog, oficialmente disponiveis as instalações do FFC, para eventos com estes fins, digo, quadra, auditório multi-meios, sistema de som, enfim tudo que estiver ao nosso alcance para que sejam realizados todas as açoes para o engrandecimento do Basquetebol em nosso estado, não só para os contatos que o senhor conseguir, mas tbm qualquer outra pessoa que traga conhecimento e material de estudo afim de dividí-los com outros profissionais.
    Para terminar gostaria de deixar meu protesto qnd colocam “todos os técnicos do RJ” são “assim” ou são “assado”, tem muita gente correndo atrás aqui pelo RJ, e assim como em outros estados tbm temos nossos “deitões”, infelizmente, nosso esporte urge de mais profissionais dedicados pelo Brasil inteiro, sem exceção!!!
    Grande abraço, e a disposição, TCHELO!!!

  4. Basquete Brasil 23.09.2008

    Prezado Marcelo,claro que me recordo de você em Brasilia,e tenho em mente sempre o agradecimento ao seu clube, o glorioso Fluminense, onde fui técnico nos anos setenta, por ter cedido seu auditório para a realização da palestra do Prof.José Curado dois meses atrás, em conjunto com a nascente associação de técnicos do Rio de Janeiro.Pensando repetir um evento de grsnde importância técnica para os jovens técnicos cariocas, e os veteranos também,voltei a recorrer à associação numa atitude coerente à promessa que fiz antes da palestra do Prof.Curado, de que procuraria na medida de minhas possibilidades ajudar na implantação de tão importante entidade. E nada mais relevante que uma palestra de um professor e técnico gabaritado e profundamente experiente como o Gil Guadron.Infelizmente
    não foi possivel a realização da mesma, o que considerei lastimável.Sei que todos os técnicos realmente interessados na melhoria do nosso basquete poderão contar com a colaboração de seu clube na cessão de suas dependências para futuras palestras e clinicas, mas me reservo o direito de não mais cooptar a interina direção da associação para realizá-las.Sei que sou bom professor, mas muitissimo melhor aluno e ouvinte, para entender até onde poderei ir. Obrigado por sua amável atenção. Um abraço,
    Paulo Murilo.

  5. CHRISTIANO PEREIRA 23.09.2008

    CARO PROF:PAULO MURILO,
    COMO MEMBRO DA ASSOCIAÇÃO DE TÉCNICOS DO RIO DE JANEIRO PASSO NESTE SEU ESPAÇO PARA MONTRAR MINHA INDIGNAÇÃO QTO AO ACONTECIDO E CITADO POR VC POR NAO TE TOMADO CONHECIMENTO SOBRE Á CLINICA E NEM SER CONSULTADO SOBRE A LIBERAÇÃO DO ESPAÇO VISTO QUE TRABALHO NO VASCO DA GAMA.
    MINHAS PROFUNDAS DESCULPAS E ESPERO PODER CONVERSAR COM O PROFESSOR QDO NOS ENCONTRAR-MOS NAS QUADRAS DE BASQUETE.

    UM GRANDE ABRAÇO

  6. Basquete Brasil 24.09.2008

    Professor Christiano,tenho testemunhado que a indignação é de todos que foram impedidos de assistirem a palestra do Gil,o que foi lamentável.Quanto ao nos encontrar-mos,não precisa ser necessariamente nas quadras de basquete.Paulo Murilo.

  7. Byra Bello 24.09.2008

    Aos colegas,
    A palestra proposta pelo Paulo Murilo acabou não acontecendo por culpa minha.Estávamos em contato direto ,acertando detalhes para realização da palestra e por estar demasiadamente atarefado,acabei não conduzindo corretamente todo o processo.
    Infelizmente aconteceu e só me cabe pedir desculpas pelo desconforto.
    A ATBERJ É DE TODOS NÓS MAS O ERRO FOI MEU.
    Atenciosamente,
    Byra Bello

  8. Basquete Brasil 24.09.2008

    Bom caros professores, técnicos e desportistas,aí está o relato do Prof.Byra Bello que não deixa margens a dúvidas e discussões ante seu depoimento sincero e honesto.Tratemos agora,todos juntos,de dar prosseguimento ao projeto de soerguimento do grande jogo entre nós.
    Página virada,vida que segue. Paulo Murilo.

  9. Carlos A. Castilho 29.09.2008

    Presado Prof. Paulo

    Assim que fôr possível, gostaria de adquirir o material que o Prof. Gil disponibilizou em sua recente visita.

    Grato mais uma vez pela atenção.
    Um abraço.

    Castilho

  10. Basquete Brasil 30.09.2008

    Prezado Carlos,o material não está a venda,o Gil não permitiria,pois essa não foi sua intenção.Estará disponibilizado logo que for possivel, e para muito breve.Comunicarei a todos a data e o local para consultas.Um abraço,Paulo Murilo.

Deixe seu comentário

Comentários Recentes


    Warning: mysql_query(): Access denied for user ''@'localhost' (using password: NO) in /home/paulo/public_html/blog/wp-content/themes/paulomurilo/functions.php on line 7

    Warning: mysql_query(): A link to the server could not be established in /home/paulo/public_html/blog/wp-content/themes/paulomurilo/functions.php on line 7

    Warning: mysql_fetch_row() expects parameter 1 to be resource, boolean given in /home/paulo/public_html/blog/wp-content/themes/paulomurilo/functions.php on line 8